abril 2017

Por quê fazer intercâmbio em Auckland?

Postado por: Manu Cavalli/ 1082 0

A Nova Zelândia possui diversas cidades incríveis e Auckland não fica fora da lista. Auckland é a maior cidade da Nova Zelândia recebe muitos intercâmbistas durante o ano. Hoje você vai saber o porquê de fazer intercâmbio em Auckland.

Auckland

Curiosidade sobre Auckland:

  • Maior cidade da Nova Zelândia
  • Apelido: Cidade das Velas
  • População: quase um milhão e meio de habitantes
  • Tem 31% da população da Nova Zelândia
  • Fundação pelos europeus: 1840
  • Ocupada pelos nativos maoris: desde 1350
  • Localização: Situada na Ilha Norte, junto ao estreito que separa as duas ilhas
  • Principal centro econômico e financeiro do país

Educação

A primeira coisa a saber é se a educação é boa, e como em todo o país da Nova Zelândia, Auckland possui as melhores escolas de inglês do mundo, e na categoria de universidades não fica de fora.

As escolas na Nova Zelândia além de oferecerem um excelente nível de educação também possuem uma extraordinária estrutura preparada para integração total do estudante internacional com a cultura local. Com um leque variado de atividades extra-classe, onde além de aprender inglês, os estudantes têm a oportunidade de viajar pelo país e conhecer essa maravilhosa mistura étnica e cultural.

Vistos

Quem possui passaporte brasileiro pode passar até 03 meses (da data de chegada até a data de partida) na Nova Zelândia sem a necessidade de emissão de um Visto de Visitante antes de sua chegada.

O Visto de Estudante da Nova Zelândia é destinado aos estudantes matriculados em cursos com mais de 3 meses de duração e período integral (pelo menos 20 horas semanais). Alunos matriculados em cursos “part time” (menos de 20 horas semanais) deve aplicar para um visto de visitante com permissão para estudo. Esse tipo de visto é válido por no máximo 9 meses.

Para saber mais sobre vistos na Nova Zelândia, clique aqui.

Região

A região de Auckland inclui quatro cidades – Auckland, Manukau, North Shore e Waitakere; e três distritos – Franklin, Rodney e Papakura.

Trinta minutos para qualquer lugar. Em só meia hora você pode estar quase em qualquer lugar – velejando para uma ilha, caminhando por uma floresta tropical, fazendo piquenique em um vulcão, provando vinhos em um vinhedo ou vagando por uma selvagem praia de areia preta.

Também conhecida por “The City of Sails” ou a cidade das velas. Auckland é a principal porta de entrada dos Brasileiros e de centenas de outras nacionalidades. Uma metrópole que pode ser considerada uma babilônia cultural devido ao grande número de imigrantes que se estabilizam por lá. Auckland é a maior cidade Polinésia do mundo. Em torno de 62% dos seus residentes são descendentes de Europeus, 12% são Maoris, 11% são descendentes das Ilhas do Pacífico e há uma crescente população Asiática em torno de 9%.

intercambio em auckland

Pontos Turísticos

  • Sky Tower: A Sky Tower é uma torre de comunicação e observação erguida na cidade, durante a década de 1990.
  • Ilha Waiheke: A ilha Waiheke é uma ilha no golfo de Hauraki. Fica a 35 minutos de viagem por ferry de Auckland.
  • Kelly Tarlton’s Underwater World: É misto de museu, aquário e mini parque temático. Como tudo na Nova Zelândia, o Kelly Tarlton’s é despretensioso, mas interessante.
  • Museu Memorial da Guerra de Auckland: É um dos mais importantes museus e memoriais de guerra da Nova Zelândia.
  • Auckland Domain: O Auckland Domain é o parque mais velho da cidade de Auckland, com 75 hectares, o maior da cidade.
  • Queen Street: É uma das principais ruas de comercio da cidade.

Existem outros diversos pontos turísticos em Auckland, esses são apenas alguns dessa maravilhosa cidade.

auckland domain

Custo de Vida

Em média, estudantes internacionais na Nova Zelândia gastam aproximadamente NZ$250 (R$500,00) por semana, incluindo acomodação, alimentação, lavanderia, telefone, internet, transporte e custos incidentais. Mesmo sendo está uma estimativa real, é importante lembrar que as circunstâncias individuais podem variar pela localização, curso e estilo de vida de cada aluno.

Essa é uma estimativa de Auckland, mas pode variar dependendo da região que vai se acomodar.

Valores de Pacotes

Em um pacote, qualquer coisa pode variar o preço, vamos listar 3 pacotes com diferentes semanas de curso:

  • 4 semanas: NZD 2.140,00 para saber mais sobre o pacote, clique aqui!
  • 14 semanas: NZD$ 5.555,00 para saber mais sobre o pacote, clique aqui!
  • 16 semanas: NZD$ 5.535,00 para saber mais sobre o pacote, clique aqui!

Quer fazer um orçamento personalizado? Clique aqui e converse com a Travelmate.

Conheça também outros destinos da belíssima Nova Zelândia clicando aqui.

autorização eletrônica canada

Autorização Eletrônica vai facilitar muito a viagem dos Brasileiros para o Canadá

Postado por: Manu Cavalli/ 3441 1

A partir do dia 1 de maio às 10 horas, no horário de Brasília, alguns cidadãos brasileiros serão elegíveis para solicitar a Autorização Eletrônica de Viagem, para voar ou transitar em um aeroporto canadense. Com essa autorização, não é necessário solicitar o visto.

Através dessa iniciativa, cidadãos do Brasil que tiveram um visto canadense emitido nos últimos 10 anos, ou que possuam um visto americano de não imigrante válido, serão elegíveis para solicitar um Eta (Autorização Eletrônica de Viagem).

A Autorização Eletrônica Canadá, o eTA, facilitará a ida de muitos brasileiros ao Canadá. O processo de solicitação é simples e de baixo custo (CAD$ 7), levando apenas alguns minutos para ser concluído. A Autorização é válida por até 5 anos e permite que pessoas façam viagens ao Canadá quantas vezes desejarem por períodos curtos (normalmente até 6 meses por viagem) para estudar, visitar, fazer negócios ou transitar por um aeroporto canadense. A maioria dos casos são aprovados em minutos.

“O Canadá valoriza imensamente sua parceria com o Brasil, ” disse o Embaixador do Canadá no Brasil, Riccardo Savone. “Facilitar as viagens fomenta um profundo entendimento e cria oportunidades de fortalecer nossos laços vitais entre pessoas, negócios e turismo. “

Resumo de como serão as novas exigências de entrada a partir de 1 de maio 

Como você está viajando ao Canadá Documentos necessários de viagem
Voando ou transitando por um aeroporto canadense, e é elegível a solicitar um eTA Você pode solicitar um eTA ou um visto
Voando ou transitando por um aeroporto canadense, mas você não é elegível a um eTA Você precisará solicitar um visto
Voando para o Canadá com sua família. Você é elegível para solicitar um eTA mas sua família não é. Você pode solicitar um eTA. Os membros de sua família deverão solicitar um visto.
Dirigindo dos EUA para o Canadá, chegando por ônibus, trem ou barco, incluindo cruzeiros marítimos para o Alasca (mesmo se não planeja desembarcar em porto canadense) Você precisará solicitar um visto.
Viajando entre o Canadá e os EUA em uma combinação de avião, trem, carro ou barco A melhor opção é solicitar um visto pois proporciona mais flexibilidade.
Voando para o Canadá e você tem um visto canadense válido Você pode viajar com esse visto até a data de sua expiração
Voado para o Canadá para estudar ou trabalhar por mais de seis meses Você precisará solicitar uma permissão de estudos ou de trabalho. O visto será emitido automaticamente, e permitirá que você embarque em seu voo para o Canadá.

 

Informações rápidas

  • website do Governo do Canadaca/eTA, é o único site válido onde viajantes podem solicitar um eTA. Tudo o que o viajante necessita é de um passaporte, um cartão de crédito ou débito e um endereço de e-mail.
  • Os viajantes com um visto canadense válido, assim como cidadãos dos Estados Unidos, incluindo cidadãos Americanos-canadenses, não necessitam de eTA.
  • Os cidadãos canadenses, incluindo aqueles que possuam dupla cidadania, não podem solicitar o eTA e precisarão de um passaporte canadense válido para voar para o Canadá.

autorização eletrônica canadá

 

Quer saber mais sobre pacotes de intercâmbio para o Canadá? Clique aqui.

O que fazer em São Francisco?

Postado por: Manu Cavalli/ 614 0

Uma das cidades mais famosas do mundo por representar a música, o cinema e a cultura popular, tornaram São Francisco e seus pontos de referência reconhecíveis em todo o mundo. Quem nunca jogou GTA San Andreas e andou pela Golden Gate ou subiu a famosa Lombard Street? Confira aqui os principais lugares para visitar quando estiver em San Francisco.

O que fazer em São Francisco?

o que fazer em são francisco

 

  • Ponte Golden Gate

A ponte liga a cidade de São Francisco a Sausalito, na região metropolitana de São Francisco, sobre o estreito de Golden Gate. A ponte é o principal cartão postal da cidade, uma das mais conhecidas construções dos Estados Unidos, e é considerada uma das Sete maravilhas do Mundo Moderno pela Sociedade Americana de Engenheiros Civis.

No início do século XX, especialmente após o Terremoto de 1906, a cidade de São Francisco passou por um período de ascensão econômica e imediatamente surgiu a necessidade de conectá-la com as regiões vizinhas a fim de desenvolver a economia nas cidades ao redor da Baía de São Francisco.

ponte golden são francisco

A cidade de São Francisco é cercada por água por quase todos os lados, com exceção da porção de terra que a liga com a região maior, o que faz dela uma península. A necessidade de se conectar com as regiões vizinhas tomou a forma de uma estrutura rodoviária.

  • Ilha de Alcatraz

Inicialmente foi utilizada como base militar, e somente mais tarde foi convertida em uma prisão de segurança máxima. Atualmente, é um ponto turístico operado pelo National Park Service junto com a Área de Recreação Golden Gate.

Durante 29 anos, a prisão de Alcatraz nunca registrou oficialmente fugas bem-sucedidas de prisioneiros. Em todas as tentativas, os fugitivos foram mortos ou afogavam-se nas águas da baia de São Francisco.

san francisco ilha de alcatraz

  • Union Square

A Union Square foi construída e dedicada pelo primeiro prefeito norte-americano de São Francisco, John Geary, em 1850 e é assim chamada para as manifestações pró-União que aconteceram ali antes e durante a Guerra Civil dos Estados Unidos.

Hoje ela é um dos centros mais famosos de compras de São Francisco, área que tem diversas lojas, hotéis, restaurantes e muitas atrações.

union square

  • Chinatown

Chinatown é um dos bairros mais badalados e visitados por moradores e turistas em San Francisco na Califórnia. A Chinatown de São Francisco é a mais antiga dos Estados Unidos. Além de ser considerada uma das maiores comunidades chinesas fora da China. Passear por Chinatown é um encanto para todas as idades.

O bairro é recheado de atrações como lojas de ervas, casas de chá, restaurantes, lojas e templos budistas. Além disso, caminhar pelas ruas de Chinatown não deixa de ser uma aula história e cultura a céu aberto. O bairro todo é diferente do resto de San Francisco, o inglês dá lugar nos letreiros de lojas ao mandarim que também decora as fachadas dos estabelecimentos com sua beleza única.

china town

  • Sistema de teleférico de São Francisco

Um dos principais cartões postais da cidade, o Cable Car de São Francisco é um dos programas que você deve ir inicialmente na sua viagem, assim você já conhece uma boa parte da cidade.

Existe um cobrador a bordo, de quem você pode comprar as entradas na hora, ou você pode ir nos quiosques ao lado dos pontos finais e iniciais e comprar antes de subir no bondinho. O preço para adultos é de $ 5, e crianças abaixo de 4 anos nāo pagam.

san-francisco-estados-unidos

Outra dica é que dá para subir no bondinho por qualquer lado, desde que tenha lugar. Pode andar do lado de fora, sem problema (você vai ver as pessoas penduradas e nāo vai acreditar que está nos EUA, o paraíso de exagero de segurança).

  • California Academy of Sciences

Califórnia Academy of Science, no Golden Gate Park em São Francisco, é um museu super interativo que combina experiências sensoriais, aquários e estufas impressionantes num dos edifícios mais modernos e interessantes de São Francisco. O museu tem atrações especiais como uma réplica viva da Floresta amazônica com peixes e pássaros, um dos planetários mais realistas dos Estados Unidos e um telhado verde que mede as variações climáticas. Cada centímetro deste museu tem muita coisa legal para ver e aprender.

California Academy of Sciences

A California Academy of Science é a junção de um museu com um centro de pesquisa contínua em diversos campos. São várias exibições permanentes, algumas exibições temporárias e muitas pesquisas de campos em Bio Diversidade e sustentabilidade explorando como tema central a vida no planeta terra nos próximos anos. Assim, o museu é uma exibição viva dos achados e experimentos dos mais de 100 cientistas que compõem o corpo do museu.

Esses são apenas alguns dos incríveis lugares que São Francisco pode te proporcionar. Quer viajar para a Califórnia? Clique aqui e acesse os pacotes disponíveis!

Depoimento de Work&Travel em Aspen

Postado por: Manu Cavalli/ 651 0

Minha experiência com o Work&Travel foi incrível. Eu fui para Aspen, Colorado, e acho que foi a melhor escolha possível. Eu trabalhei em uma loja e morei com outras três meninas da América do Sul, o que me ajudou a melhorar tanto meu inglês quanto meu espanhol. Tive uma experiência incrível. Aprendi a fazer snowboard e também tive a oportunidade de viajar para outros lugares. Ir para as montanhas é algo que todos deveriam fazer um dia. Eu conheci pessoas muito legais e fiz amigos para a vida toda. Ter uma experiência tão cultural é algo único e um must-do. Eu fiquei muito feliz de voltar, mas mais feliz ainda em saber que tive uma segunda casa em um lugar tão bonito e especial. Eu aconselho esse tipo de programa para quem gosta de aventuras e gostaria de melhorar um idioma, vale muito a pena e é inesquecível. Se eu pudesse, sem dúvidas, faria de novo.

Obrigada Mirtes, por tudo, quero te encontrar e contar tudo!

Tais Danieli Paris, temporada 2016/2017.

Veja algumas fotos da viagem:

work&travelwork&travel

work&travel em Aspen

work&travel

 

Quer saber como funciona o Work&Travel? Clique aqui!