Categoria: Cursos de idiomas

Os intercâmbios de Caroline!

Postado por: Juliana Teixeira/ 703 0

Quem já fez intercâmbio sabe, sempre dá vontade de ir de novo, né? A Caroline Rissi concorda e, por isso, realizou dois intercâmbios pela Travelmate Chapecó! Em 2016 foi à Nova Zelândia, para o famoso High School. Dois anos depois, como presente de aniversário de 18 anos, ganhou um mês de curso de inglês na Cidade do Cabo, com a prima Nathália. Olha o que ela achou:

 

“Um presente que se transformou em uma viagem inesquecível! Ter tido a oportunidade de conhecer uma nova cultura, entender toda a historia e o sofrimento de uma nação com o apartheid, foi com certeza algo que fez com que eu refletisse sobre a vida e entendesse melhor pelo que realmente passaram. Além de conhecer uma nova cultura, ter feito amigos de vários lugares do mundo foi incrível! Fui com o objetivo de aprimorar meu inglês, mas na verdade voltei com uma bagagem MUITO maior, cheia de memórias e aventuras sensacionais e pessoas que fizeram desse 1 mês maravilhoso!!! Além de tudo isso, Cape Town é uma cidade encantadora e cheia de contrastes. A vibe africana não tem igual, as praias, paisagens, a natureza em geral é única, cada lugar com sua beleza particular. Com certeza é um lugar que eu voltaria para conhecer melhor e criar novas memórias e viver mais aventuras que ficarão para sempre na minha vida! Uma experiência maravilhosa, com a melhor companhia de todas e vai deixar saudade!!”

 

Tá esperando o que para fazer o seu? Entre em contato!

  

   

 

 

BENEFÍCIOS DE VIAJAR PARA O EXTERIOR

6 benefícios de viajar para o exterior, um deles é te deixar mais esperto!

Postado por: Manu Cavalli/ 954 0

Poucas pessoas têm a oportunidade de viajar – Existem algumas coisas irresistíveis sobre escapar da nossa rotina.

Uma recente pesquisa mostrou que viver no exterior pode não apenas fazer você se sentir bem, mas pode fazer você ficar mais esperto também.

Em 2013 um estudo encontrou que 3,2% da população do mundo vivem fora do seu país de nascença – Isso é 210 milhões de pessoas.

Um estudo de 50 anos de 3.400 intercambistas encontrou que 82% deles desenvolveu um caminho mais sofisticado de olhar o mundo após a viagem. Esse estudo foi feito pela Indiana University, no qual encontrou que pessoas que viajaram para o exterior usaram mais criatividade e inteligência para solucionar os problemas.

Aqui estão os 6 benefícios de viajar para o exterior, e porque – cientificamente – eles vão deixar você mais esperto que quando você viajou.

  1. Despertar criatividade

Quando estamos com o psicológico fora da nossa zona de conforto, novas possibilidades e resultados aparecerão. Isto é por causa do nosso cérebro que está em estado de ‘atenção relaxada’, na viagem, o cérebro possibilita você fazer ações de uma outra maneira.

  • 220 estudantes de MBA da Northwestern’s Kellogg School estavam perguntando como resolver um famoso jogo, o “duncker candle”. 60% dos estudantes que tinham vivido no exterior resolveram o problema e apenas 42% dos que não tinham viajado resolveram.

viajar

  1. Boa comunicação

Quando você não pode falar o idioma, você não tem escolha, precisa aprender a como se comunicar não verbalmente. Reconhecendo aquela comunicação seu multissensorial é forçado, você desenvolve alternativas, ainda efetivas, modos de comunicação. São habilidades transferidas para muitas outras coisas na vida.

  • Um estudo de 2014 baseado em chineses que viajaram, encontraram que a maioria dos participantes reportaram boas comunicações e relações sociais depois de viver no tempo no exterior.

TRAVELMATE BLOG

  1. Maiores chances no mercado de trabalho

Viver no exterior ajudará você a construir conexões estrangeiras e desenvolver seu entendimento sobre várias culturas – duas habilidades cruciais no mundo profissional.

  • Um estude de 10 meses feito pela INSEAD encontrou que quem foi inserido em culturas com ambientes diferentes estavam oferecendo mais trabalhando do que quem nunca viveu fora.BENEFÍCIOS DE VIAJAR PARA O EXTERIOR
  1. Habilidades do intelectual melhorado

Se você vive em um país com uma linguagem diferente por muito tempo, você aprenderá facilmente a linguagem, no qual melhora muito seu intelectual.

  • Em 2012 a Swedish MRI realizou um estudo onde encontrou que pessoas que estão aprendendo uma segunda linguagem mudam o tamanho e forma do cérebro pelo melhoramento da espessura cortical – a camada de massa dos neurônios responsável através de memórias e consciências.

  1. Aumento da produtividade

Enquanto muitas vezes achamos que trabalhar o tempo todo e até em feriados aumenta a produtividade, a pesquisa mostra que o tempo livre realmente ajuda para você voltar e ter produtividade no trabalho.

  • Países como a França, com 40 feriados no ano, tem uma econômica melhor do que países que possuem apenas 25 dias.

travelmate

  1. Aumento da autoconsciência

A autoconsciência é um dos muitos reconhecimentos traçados para o sucesso, e isto vem sem nenhuma surpresa para quem viveu no exterior, e encontrou e melhorou sua autoconsciência.

  • Um recente teste de psicológica distante concebeu sugestões que viajar ou planejar sua viagem e imaginando você mesmo em outra família e distante da sua localização, melhora sua autoconsciência.

Embora nossa casa ainda seja a mesma quando nós retornamos, através da viagem algumas coisas em nossas mentes têm sido mudadas, e que tem um poder de transformar qualquer coisa em nossas vidas.

Se abra para novos ambientes, tenha uma vida no exterior e encontre seu verdadeiro potencial intelectual.

Entre em contato com a Travelmate clicando aqui e realize seu sonho!

 

Como escolher o seu intercâmbio?

Postado por: Manu Cavalli/ 2276 0

Uma hora chega o momento de decidir: Vou fazer um intercâmbio! Mas por onde começar? Para onde eu vou? O que posso gastar? Veja os principais passos para você escolher o seu intercâmbio.

  • Que idioma você quer aprender?

Antes de mais nada, o principal é saber qual idioma você quer aperfeiçoar e assim decidir o país de seu destino. Existem países que possuem várias línguas, por ser povoado por diversas culturas, como o Canadá, normalmente as pessoas vão até lá para falar inglês, mas caso você queira estudar francês, você terá muita facilidade em encontrar pessoas que falam a língua, principalmente em Montreal e Quebec.

como escolher o seu intercambio

  • Que país quer conhecer?

Talvez a parte mais difícil e a mais legal, escolher o país é uma decisão que vai mudar a sua vida! Sim, é meio radical, mas escolher o país, principalmente para seu primeiro intercâmbio, é escolher o destino onde você vai realizar seu sonho e conhecer lugares que você sempre quis.

Quem nunca sonhou em conhecer o Grand Canyon ou a Torre Eifel. Então, para sua viagem ser perfeita, escolha o lugar do seus sonhos e embarque no avião.

Dica: Se você não possui condições financeiras em escolher o local que você desejaria, alguns lugares são incríveis e ainda você vai sair economizando, como Malta, Canadá, Irlanda e Argentina.

  • Em que cidade quer morar?

Sim, quando você acha que a parte difícil de escolher o país acabou, vem a parte de escolher a cidade, óbvio. Normalmente as cidades mais famosas tem todos os tipos de cursos de intercâmbio, então a escolha também vai ser feita um pouquinho com o coração.

Recomendamos que você escolha uma cidade com vários lugares legais e com muitas atrações (Quase todas são assim, então complica mais um pouco), como Nova York que tem a famosa Estátua da Liberdade ou a Times Square, ou Toronto, que possui uma das maiores torres do mundo e também possui parques de diversão incríveis como o Canadá’s Wonderland.

malta

  • Qual tipo de curso de idioma no exterior quer fazer?

O próximo passo é escolher qual o tipo de programa que você quer fazer. Existem programas para estudar, trabalhar ou fazer ambos. Clique neles para saber mais informações.

Estudar:

Trabalhar:

Ambos:

high school

 

  • Quanto tempo estudar no exterior?

O tempo que você vai ficar no exterior é influenciado por várias coisas, como o tipo de curso escolhido e a sua condição financeira.

Outro fator importante é o seu tempo disponível, normalmente as pessoas que trabalham fazem um intercâmbio de 4 semanas, já as pessoas que apenas estudam têm a disponibilidade das férias do fim de ano, podendo chegar até 3 meses.

Dependendo do curso, você pode fazer um intercâmbio com até 2 anos de duração.

  • Onde ficar durante o intercâmbio?

Também dependendo do seu destino e o tempo, saber escolher onde ficar no intercâmbio é muito importante.

Se for ficar entre 4 e 12 semanas recomendamos ficar em uma casa de família, além de você treinar seu inglês com as pessoas da casa, você também pode optar por fazer as refeições na própria casa, assim dedicando seu tempo inteiro ao estudo e em conhecer os lugares da sua cidade, e o melhor, é o mais econômico.

Outra opção de moradia é a residência estudantil, que na maioria oferece quarto individual. Banheiro e cozinha são coletivos. Pode ficar dentro da escola/universidade ou em prédios (geralmente) próximos ao local de estudo.

Se for ficar mais de 6 meses, você provavelmente (depende das regras do país) poderá trabalhar, sendo assim fica mais fácil para alugar uma casa.

intercambio

  • Entrar em contato com a melhor agência de todas

Você pode resolver todos esses passos sozinhos, mas caso queira alguma ajuda pode saber que a Travelmate vai te auxiliar do começo ao fim. Para entrar em contato clique aqui e converse com nossos representantes.

Quer conhecer alguns pacotes de intercâmbio? Clique aqui

Depois de tudo resolvido, basta pegar sua bagagem e partiu viajar!

livros

8 motivos para fazer universidade no exterior

Postado por: Manu Cavalli/ 1259 0

Estudar em universidades estrangeiras sempre vai ser benéfico para a sua vida pessoal quanto para a sua vida profissional. Existem diversas razões para você ir estudar fora, mas esses são os 8 motivos para fazer universidade no exterior que vão fazer você subir no avião agora e ir viajar.

  • Ensino de qualidade

Quando você sai do seu país para estudar, uma das principais, se não a mais importante, é uma universidade de qualidade. De acordo com o principal ranking de universidades, Times Higher Education (THE), das 100 melhores universidades do mundo, 44 ficam nos Estados Unidos e 31 ficam na Europa. (confira a lista completa das universidades clicando aqui)

Nenhuma universidade brasileira entrou para o top 100 do mais recente ranking mundial de instituições de ensino superior publicado em julho de 2016 pelo Center for World University Rankings (CWUR).

No topo, estão as renomadas Harvard (1º), Stanford (2º), seguidas pelo MIT, Cambridge e Oxford. Estados Unidos é o país com mais instituições de ensino no ranking, são 224, entre as mil listadas pelo CWUR. China tem 90, Japão tem 74 e Reino Unido, 65.

Então se você quer ter um estudo de alta qualidade é melhor ir pegando seu passaporte.

8 motivos para fazer universidade no exterior

  • Aperfeiçoamento da língua

Você nasceu, cresceu e viveu com a língua que seus grupos sociais falavam, e quando você for estudar em universidades no exterior não será diferente. Você até pode saber falar outro idioma, mas com a vivência e as experiências de morar e estudar em outro país é que você retornará ao Brasil com mais um idioma realmente fluente na bagagem.

Com a globalização, é muito importante dedicar-se a aprender novas línguas. O inglês não é mais um diferencial, é imprescindível ao candidatar-se a uma vaga de emprego e fator preponderante para seleção dos candidatos; o que transforma o espanhol na terceira língua, como verdadeiro elemento agregador de valor aos currículos. Além disso, você pode morar em outro país, viajar sem problemas com a língua e realizar cursos mais especializados e reconhecidos mundialmente.

Se você optar por morar fora, para trabalhar ou em busca de uma vida melhor, terá que se comunicar fluentemente no idioma local para suprir suas necessidades básicas. Caso vá para estudar, o idioma será necessário e muito exigido, já que precisará adaptar-se e compreender as informações que pretende absorver e externar para obter conhecimento. Quando for viajar para curtir suas férias fora do país, a comunicação com guias turísticos, taxistas, garçons será muito importante para aproveitar os momentos de diversão, lendo cardápios, placas, guias, mapas, comprar comida e ingressos.

Se você está pensando em viajar, fique sabendo que terá vários desafios pela frente.

aperfeiçoar a lingua

 

  • Diversas áreas para se especializar

No Brasil, as universidades oferecem uma quantidade limitada de cursos, mas nas melhores universidades do mundo, além de possuir um estudo de alta qualidade, você pode ter a certeza que encontrará diversas áreas únicas para se especializar, como Estudos de Museus, por exemplo! E mesmo nos cursos tradicionais, um diploma obtido no exterior é uma vantagem que colocará você muito à frente de qualquer concorrente no mercado de trabalho.

Se você quer ser diferenciado, prepare as malas e vamos viajar!

diversas areas para se especializar

 

  • Novas Pessoas

Para estudar fora você precisará fazer alguns esforços, sendo eles deixar por um tempo a sua família, amigos, cachorros, etc. Por outro lado, pode ter a certeza que você vai encontrar pessoas novas e que elas vão agregar muito em sua vida, com histórias, modos de viver, culturas diferentes e claro, você também irá transmitir a sua cultura para eles.

Morando em um novo país as “definições de amizade serão atualizadas”! (Leia com a voz da mocinha do Avast).  Você vai aprender a chamar um amigo para ir ao supermercado com você, por exemplo, e acredite: esses “passeios” são divertidíssimos. Os amigos em um país diferente são mais que amigos, se tornam referências, guias de viagens, críticos de restaurante, e as vezes os próprios cozinheiros! (É só falar que vai fazer uma caipirinha do Brasil)

Em geral, as amizades são fortes, próximas e simples, e você sentirá um carinho por essas pessoas por muito tempo, mesmo depois de voltar para o Brasil.

Então prepare-se para conhecer novos amigos de diferentes estilos!

novas amizades

 

  • Novas Culturas

Novas pessoas te levam a novas culturas e isso é uma das razões mais legais de viajar para o exterior. Além de seus novos amigos, você encontrará diversas pessoas nas ruas, shoppings, parques, e todas elas com diferentes modos de viver.

Com certeza você terá outra visão do mundo e da sua própria cultura.

Quando você estiver em uma praia da Europa e centenas de mulheres estiverem fazendo topless e ninguém estiver nem aí, ou quando estiver subindo uma escada rolante e pessoas te “ultrapassarem” pela esquerda, você vai ver que os costumes são completamente diferentes de um país para outro, mas que é possível se adaptar e admirar cada um deles.

Abra a sua mente, pegue sua passagem e entre no avião.

novas culturas

 

  • Adquirir conhecimento

Depois de estudar em uma universidade boa, aperfeiçoar a língua do país, conhecer novos amigos e outras culturas, consequentemente você estará adquirindo conhecimento. Essa viagem mudará o seu estilo de vida, o seu senso crítico e alimentará ainda mais a sua vontade de viajar novamente e fazer tudo isso de novo.

conhecimento

 

  • Mercado de trabalho

Talvez um dos principais pensamentos que você tem quando vai sair do Brasil para estudar é em relação ao seu curriculum. E sim, seu curriculum será turbinado, não apenas pelo seu estudo na universidade do exterior, mas também por você demonstrar independência, conhecimento, opiniões diferenciadas, experiências fora da zona de conforto, e tudo isso te ajudará a dar um grande passo na direção do emprego que você sempre sonhou, ou ainda poderá te dar todas as ferramentas, contatos e ideias para conseguir lançar sua startup e ganhar o mundo.

Viaje, estude e conquiste coisas incríveis em sua vida.

mercado de trabalho

 

  • Novas ideias

E por fim, temos a certeza que você vai voltar ao Brasil totalmente renovado e cheio de ideias. A experiência te trará novos olhares e com isso vem a vontade de colocar as ideias no papel, podendo ser soluções pequenas para a sua própria vida como soluções que podem mudar a vida de muitas outras pessoas.

novas ideias

Acho que essas 8 razões já são suficientes para mostrar que estudar em uma universidade no exterior pode ser uma das melhores escolhas da sua vida, hein?

Quer saber passo a passo como estudar fora do Brasil? Acesse aqui e torne seu sonho em realidade.

 

 

 

Thaís Bandeira - Curso de idioma

Thaís Bandeira – Curso de idioma

Postado por: Juliana Teixeira/ 468 0

A Thaís, com a ajuda da Debora, da TM Maringá, foi aprender inglês na Omnicom Toronto, no Canadá! Olha o que ela achou:

“Minha viagem a Toronto foi surpreendente! Confesso que nunca tive um interesse especial no Canadá ??, mas esse belo país conquistou meu coração pela educação das pessoas e pela grande importância dada à acessibilidade, mostrando que o Canadá dá oportunidade a todos. Estive por um mês na Omnicom School of Languages / Stafford House estudando Business English com meu prof Rob e meus colegas do Japão, do Brasil e da China e pude expandir meu vocabulário e corrigir defeitos que “todo brasileiro comete quando fala inglês”, como dizia Rob! “A diferença de quem completou um curso de inglês e de quem tem fluência é a pronúncia e o vocabulário”, e disso saí satisfeita e instigada a continuar a aperfeiçoar meu inglês. Além disso, temos a oportunidade de conhecer lindos lugares como Niagara Falls, Algonquin Park, Quebec, Montreal, Ottawa, Nova Iorque, Chicago e a divertida Wonderland. Fiz quase todos os passeios, para deixar a viagem ainda mais inesquecível! Pretendo voltar o quanto antes, quem sabe da próxima vez para estudar francês em Ottawa, mas com certeza dando um pulinho em Toronto pra matar a saudade.

Obrigada à Minds / TravelMATE por toda assistência prestada. Só tenho elogios à equipe, meus parabéns!”

 

 

Sue Ellen Cruz - Curso de Idiomas

Sue Ellen Cruz – Curso de Idiomas

Postado por: Juliana Teixeira/ 443 0

Tem lugar melhor no mundo para aprender francês do que a terra do Croissant? A TM Campinas levou a Sue Ellen para aprender na escola France Langue, em Lyon, França. Olha o que ela achou!

 

“Un coup de foudre: é um fascínio súbito, uma revelação repentina de beleza, ou do carácter extraordinário de algo ou alguém.”
Foi assim na minha primeira aula de francês.
Fiquei encantada com a melodia e a elegância da língua. Foi assim a primeira vez que estive em Paris.
Era como estar em um sonho: voltei completamente apaixonada pela cidade. E foi assim também nesse intercâmbio de verão em
Lyon: uma cidade linda, acolhedora e encantadora. Lá, eu descobri que o meu “coup de foudre” é mais forte do que eu imaginava, não é só pela língua ou por Paris, é pela França e tudo que ela pode proporcionar: a cultura, a história, a arte, a arquitetura, a música, a língua e seu povo. Aprendi a admirar ainda mais os franceses, por sua gentileza, simpatia, pelo apreço pela arte em suas diversas formas e pela coragem para superar e sobreviver às dificuldades. E em meio a todas às dores vividas por eles, eu, como estrangeira, me senti o tempo todo bem acolhida por todos.
Durante todos os longos e deliciosos dias de verão, eu vivi intensamente a língua francesa e em pouco tempo já me sentia íntima dessa língua que eu já admirava tanto. Na escola, eu conheci pessoas de diversos países e culturas e aprendi muito com elas.
Também pude compartilhar sobre meu país, meu povo, minha cultura, sempre sem preconceitos e com muito respeito. Como se tudo já não fosse o suficiente para ser uma ótima experiência, estudar na Europa ainda traz como vantagem a facilidade de viajar e conhecer outras cidades e países!
O que faz com que um mês de estudos tenha ainda mais cara de “férias”.
Enfim, após esse intercâmbio, tudo que me resta é a saudade – da cidade, dos amigos, de viver um sonho – e a gratidão a todo pessoal da Gisele Travelmate Intercâmbio que tornou esse sonho possível.
A atenção, preocupação e apoio de vocês foi indispensável para que tudo fosse perfeito!!!! Muito Obrigada mesmo!!! E agora, sem dúvida, há a vontade imensa de voltar!!”

 

Danieli Silva - Curso de idioma

Danieli Silva – Curso de idioma

Postado por: Juliana Teixeira/ 363 0

Pra você que pensava que só dá pra fazer curso de inglês no exterior, a Danieli Silva, com a ajuda da TM Campinas, fez um curso de francês em Montreal, no Canadá, na escola ALI!

 

“Sempre tive o sonho de conhecer o Canadá, pois além de ser um país repleto de belezas também me proporcionaria praticar o inglês e o francês, foi aí que escolhi Montreal. Desde o início tinha uma expectativa muito grande sobre a cidade devido às pesquisas que fiz antes da viagem, mas posso assegurar que todas elas foram superadas.

Montreal é uma cidade com invernos longos e rigorosos, mas quase não se sente, pois a cidade é preparada pra isso com as suas galerias subterrâneas que interligam prédios e cortam ruas.
Na cidade a escola proposta pela minha agente de viagem da TravelMate Campinas foi a ALI. Confesso que estava um pouco apreensiva quanto ao curso, pois nunca imaginei que em um mês seria capaz de me adaptar e conseguir aprender algo de fato, porém com força de vontade, compromisso e o trabalho dos professores que buscavam sempre novas formas de ensinar, tive meu objetivo alcançado, pois melhorei muito o meu nível de francês.

A ALI – Académie Linguistique Internationale – Página em Português é uma escola com espírito jovem e tenta inserir ao máximo o aluno na cultura Quebecois. Tive a oportunidade de fazer vários passeios com a escola, entre eles: Ottawa, Québec City, Toronto e Niagara Falls e adorei cada momento proporcionado por eles.
O Homestay também foi muito proveitoso e realmente me inseriu na cultura quebecois, além disso, posso dizer que ganhei novos amigos e quando voltar à Montreal irei visitá-los.
A experiência de fazer um intercâmbio foi muito válida e com certeza será reconsiderada futuramente.

Talvez pelo fato de já ter passado da adolescência tenha sido uma experiência muito mais enriquecedora, afinal encarei tudo com muito mais responsabilidade e sabia quais eram as minhas prioridades e objetivos.”

 

Renata Cunha – Curso de idioma

Postado por: Juliana Teixeira/ 361 0

A Renata Kelly Cunha realizou um curso de inglês no Canadá pela Omnicom Toronto, com a ajuda da Debora da TM Maringá.

“Decidir fazer um intercâmbio não é fácil, muitos detalhes e dúvidas de qual destino escolher, escola, seguro… e a Travel Mate indicada pela minha escola de inglês foi perfeita, fez tudo com muito carinho, me deu todo o apoio, esclareceu todas as minhas dúvidas e isso fez uma diferença imensa. No dia da minha viagem estava tão tranquila em relação ao meu destino escolhido que nem acredita, pois sabia que tinha um suporte que todas as dúvidas do meu novo destino haviam sido esclarecidas.

E escola indicada por eles a Omnicom foi excelente, me acolheram muito bem, com professores excelentes e uma estrutura muito boa. A hostfamily que fiquei foi maravilhosa, cuidou de mim como se fosse filha dela, sempre preocupada em fazer o melhor para que eu realmente me sentisse em casa.

Mas como toda viagem existe um imprevisto, fiquei doente no terceiro dia que estava em Toronto e a Travel Mate me deu o suporte para que eu conseguisse falar como seguro que também foi indicado por eles e que me atendeu super bem.

Com certeza indico a Travel para outras pessoas que desejam fazer um intercâmbio e agradeço em especial a Debora Miranda por todo o suporte.”

 

Alexsandro Paz - Curso de idioma

Alexsandro Paz – Curso de idioma

Postado por: Juliana Teixeira/ 410 0

Com a ajuda da Myriam, da TM Joinville, o Alex estudou inglês na escola Dorset, na Irlanda. Dá uma olhada no que ele achou da viagem:

 

“Assim que decidi fazer o intercâmbio, fiz uma pesquisa sobre. Foi onde encontrei a Travelmate que me mostrou diversos destinos, bem como os programas de intercâmbio. Através da agência, acabei optando por realizar o intercâmbio na Irlanda, mais precisamente na cidade de Dublin, isso porque a Irlanda facilita a emissão do visto.

Considero a escola Dorcet College, uma ótima instituição para o intercâmbio. Através dela consegui aprimorar a língua inglesa, passando do nível básico para o nível intermediário, além disso, a escola possibilitou vivências de grupo, conhecimento frente a diversidade cultural e agenda para turismo local e regional.

A capital irlandesa conta com lindas paisagens, arquitetura inglesa, parques para fazer piqueniques, encontro com os amigos, prática de mountain bike e caminhada. Lembrando a cerveja aqui é de boa qualidade. Confesso que me surpreendi com a capital, por ser calma, segura. Dá pra fazer muitos percursos a pé e o transporte público além de ser acessível, é pontual e tem acesso a wi-fi.

Dublin me possibilitou uma experiência inesquecível. Vale à pena conhecer e enriquecer a sua bagagem!”

 

 

 

Thays – Curso de inglês

Postado por: Manu Cavalli/ 358 0

Cursos de idiomas são uma ótima opção para quem dar um upgrade em alguma língua e praticar ao mesmo tempo. São programas muito flexíveis, em vários lugares do mundo, para várias línguas e com período de no mínimo duas semanas. Dificíl achar uma desculpa para não ir, né? Nesse post vamos mostrar o depoimento da Thays, que estudou na InLingua em Vancouver. Ela conta um pouquinho de sua experiência lá, como é a escola e o que ela achou!

 

 

Quer ir também? Faça como a Thays e entre em contato com a TravelMate!

Eduardo Lunardi – Curso de inglês

Postado por: Manu Cavalli/ 317 0

O nosso intercambista Eduardo Lunardi estudou na Dominion English School em Auckland, Nova Zelândia, de fevereiro à março de 2016! Confira abaixo o depoimento dele:

 

“Com o objetivo de passar um mês no exterior praticando inglês e conhecendo um novo país,entrei em contato com a Fernanda e a Gabriela da Travelmate em Chapecó/SC. Entre conversas e troca de e-mails, elas sugeriram que eu fosse pra Nova Zelândia. A princípio torci o nariz por achar muito distante e eu pouco saber do lugar. O tempo foi passando, comecei a pesquisar e aos poucos fui mudando de ideia. Ainda bem!

Tomei a decisão e fechei o pacote de quatro semanas. Cheguei de volta há uns dez dias a e não consigo parar de ter saudades daquele país maravilhoso, dos amigos que fiz e das experiências que tive. Fiquei em homestay, em Auckland, estudando das 9:00 da manhã até as 14:30 (tinha a opção até as 15:30 pra quem quer estudar um pouco mais). Auckland é a maior cidade e concentra cerca de 30% da população do país que é dividido em duas ilhas: norte e sul. O clima é semelhante ao nosso, com as estações de hemisfério sul. Por ser verão quando fui, entre fevereiro e março, todos os dias após as aulas eu pude conhecer parques fantásticos, ilhas e arquipélagos lindíssimos, entre outras tantas maravilhas de um lugar seguro, organizado e com uma população muito amigável. Para os finais de semana, nas próprias escolas existem empresas oferecendo excursões pra lugares um pouco mais distantes. Tudo funciona muito bem lá: segurança, transporte e outras facilidades que, em uma semana, nos faz parecer que estamos   em casa.

Claro, talvez eu tenha tirado a sorte grande de tudo ter corrido tão bem mas acho que isso é o que ocorre com mais frequência, pois os novos amigos compartilhavam deste sentimento. Na escola, principalmente para estrangeiros, fiz amizade com pessoas vindas de muitos países diferentes como Japão, Suíça, França, Alemanha, Coreia do Sul e Tailândia entre outros.

12814778_1363477483678513_2135424431421851686_n

 

Além das belezas naturais, que já são motivos suficientes pra fazer esta escolha, em NZ existe uma “cultura” de esportes radicais e aventuras do gênero. Foi lá que fiz BungeeJumping, OGO – bola de plástico que a gente vai dentro rolando ladeira a baixo, conheci um parque geotermal de atividade vulcânica, andei nos carts parecidos com os carrinhos de rolimã, fiz rafting, conheci uma praia que verte água fervendo… Enfim, não foi tempo suficiente pra conhecer tudo na ilha norte e faltou toda a ilha sul. Quem sabe numa próxima oportunidade!”

 

12814670_1368449283181333_574511547831834768_n

Mais informações sobre destinos de intercâmbio e programas, entre em contato com a gente!

Pamila Capelli – Curso de inglês

Postado por: Manu Cavalli/ 329 0

A Pamila Bianca Capelli estudou na iTTTi Vancouver, no Canadá, por 06 semanas e amou cada segundo dessa experiência. Confiram o depoimento dela!

“Fazer este intercâmbio foi a melhor coisa que eu já fiz na minha vida, me desafiei, enfrentei meus medos, conheci um mundo novo, um mundo que me mostrou que devemos aproveitar a cada minuto de nossa vida como se fosse o último, pois depois só restará saudades. Conheci novas culturas, novas pessoas, mas o melhor de tudo, conheci a mim mesma, fiz novos amigos, que mesmo agora distantes vou levar para sempre em meu coração. Vancouver é uma cidade maravilhosa, visitei lugares lindos que sempre guardarei em minha memória, a cada dia que se passava eu me sentia dentro de um sonho que a qualquer momento estava prestes a acordar.”

 

Pamila

Pamila3

Pamila4

Pamila5

 

Mais informações sobre destinos de intercâmbio e programas, entre em contato com a gente!

Rodrigo Ortiz – Curso de inglês

Postado por: Manu Cavalli/ 311 0

Nosso intercambista Rodrigo Ortiz foi para Londres fazer um curso de 30 dias de inglês, na EC English Language School e está muito feliz com a experiência! Confiram o depoimento do Rodrigo abaixo!

“Confesso que não sou muito de escrever depoimentos e descrever as experiências vividas, porém, esse vale a pena descrever.

Meu acesso à Travelmate se deu por meio de conhecidos que já tiveram a oportunidade de fazer um intercâmbio ou curso de inglês no exterior. Todos, sem exceção, me recomendaram o atendimento dessa agência! Atendimento excepcional!

Fiz muita pesquisa antes de decidir o local que iria (Dublin, Malta, Cidade do Cabo, Londres, etc), e, confesso, se não fosse a ajuda da Travelmate, eu ainda estaria pesquisando. Orçamentos, indicações, orientações e atendimento de primeira linha. Difícil encontrarmos empresa com tamanha seriedade e que nos presta feedback de forma quase imediata.

Me conhecendo um pouco mais, até porque eu não parava de fazer questionamentos (rs), a Myriam (da Travelmate Joinville) me apresentou o projeto EC London 30 , curso destinado a pessoas maiores de 30 anos. Assim, com a ajuda da Travelmate fiz a opção que já estava no coração e apenas faltava aquele incentivo. Optei pelo curso de 30 dias em Londres.

Partindo para a experiência, a Escola possui estrutura excelente, professores capacitados e técnicas de ensino tanto gramatical quanto verbal de fácil assimilação. Excelente escola. Quanto a acomodação, optei pela Somerset Residence, apartamentos/flats destinados exclusivamente para estudantes, escolha excepcional.

Londres é fantástica. Tive uma experiência incomparável! Trata-se de uma cidade cosmopolita e multicultura! London Eye, Canden, London Bridge, Convent Garthen, Nothing Hill, Chinatown, enfim, tantos lugares! Lá, além de interagir – em inglês – com nativos, irlandeses, escoceses, tive a oportunidade de conhecer pessoas de diferentes partes do mundo com culturas e hábitos totalmente diferentes dos nossos, Suíços, Japoneses, Coreanos, Chineses, Turcos, Italianos, Alemães, Espanhóis e outros. Grande oportunidade de abrir nossas mentes e ampliar nossos horizontes.

Enfim, só tenho a agradecer a ajuda, a compreensão e a paciência (que não foi pouca) da Travelmate comigo. Competência e dedicação são ingredientes que sobram nessa equipe. A todos da agência meu muito obrigado! E digo mais, logo estou voltando!”

 

Mais informações sobre destinos de intercâmbio e programas, entre em contato com a gente!

Henrique Zolet – Curso de inglês

Postado por: Manu Cavalli/ 339 0

A África do Sul é um país fantástico, não só por suas paisagens e sua natureza, mas também por sua cultura! O Henrique fez inglês por 04 semanas pelo Programa Teens da LAL Language School na Cidade do Cabo e curtiu muito a experiência, confira o depoimento do Henrique Zolet:

A Cidade do Cabo é o lugar mais bonito que já fui e a África do Sul possui uma cultura riquíssima. Além de fazer muitos amigos aprendi muito nesta viagem, sobre a união de pessoas e povos, sobre o respeito as diferenças e sobre a natureza e suas incríveis estruturas e ensinamentos.

 

“É pelo sinal da amizade que se unem os homens, os povos e as raças, e é sob seus auspícios que há de haver paz na Terra”. 

González Pecotche

12687911_946149498803750_2867477700302897245_n

 

Mais informações sobre destinos de intercâmbio e programas, entre em contato com a gente!

Alexandre Mendonça – Curso de inglês

Postado por: Manu Cavalli/ 337 0

O Alexandre Mendonça teve a ideia de fazer intercâmbio em 2014, se preparou por quase um ano para fazer essa viagem e escolheu Fort Lauderdale, na Flórida, para estudar inglês por 3 meses.

Para poder trazer um pouco do que aprendeu e viveu para nós, Alexandre criou a série “O Mundo Lá Fora”, em que conta um pouco do seu dia-a-dia nos Estados Unidos, com algumas dicas e relatos da sua experiência no exterior.

 

Nesse vídeo, ele conta como é sua rotina e o seu caminho para a escola.

Saiba mais sobre como foi o intercâmbio dele, clicando aqui.

Angela Souza – Curso de inglês

Postado por: Manu Cavalli/ 339 0

No final de Março a Angela Sousa fez intercâmbio de 4 semanas em Fort Lauderdale, pertinho de Miami!

Ela estudou na Embassy English e foi assessorada pela Travelmate, no vídeo ela conta um pouquinho como foi a experiência. =)

angela angela

 

Apertem o PLAY e saibam tudo sobre o intercâmbio dela!

 

 

Mais informações sobre destinos de intercâmbio e programas, entre em contato com a gente!

Cursos de idiomas nos Estados Unidos

Postado por: Manu Cavalli/ 687 0

new-york-1031411_1920

É impossível que você nunca tenha se deparado com alguma frase em inglês, seja na internet, em vitrines, manuais de eletrônicos, ou até mesmo nas suas roupas. O inglês está em todo lugar, e mesmo que você queira, não pode fugir dele, e como dizia aquele velho ditado, se você não pode vencer o seu inimigo, junte-se a ele.

O Inglês é o terceiro idioma mais falado do mundo, considerando os países que o tem como idioma oficial, porém, quando se fala em idioma secundário, sem dúvidas o inglês é primeiro idioma colocado na lista. O poder que os Estados Unidos conquistaram depois da Segunda Guerra Mundial foi essencial para que o inglês se tornasse o “idioma mundial”.

Os Estados Unidos são referência mundial em ensino de inglês (apesar de a “mãe” da língua ser a Inglaterra), o país conta com centenas de escolas em todo o país, para todos os gostos e níveis de inglês, como por exemplo: A Embassy English, EC English, OHLA, LaL, Stafford House e muitas outras escolas que estão esperando por você.

Você pode até ficar fazendo oito anos de curso de inglês aqui no Brasil, mas vivenciar o idioma é algo totalmente diferente. Viver 24 horas por dia em um país, onde o inglês é o único idioma falado, é incrível! Em poucos meses você consegue um resultado melhor do que teria em anos estudando no Brasil. Além de que no exterior, você aprende as peculiaridades da língua, gírias, expressões locais, sinônimos e muitas outras coisas que vão além dos ensinamentos em sala de aula.

Ficou interessado em aprimorar o seu inglês ao estilo norte-americano? Aqui na Travelmate temos vários pacotes de intercâmbio voltados para os cursos de idioma, tanto nos Estados Unidos, como em outros lugares ao redor do mundo. Procure um dos nossos consultores aqui no chat ao lado e tire todas as suas dúvidas com ele. Nós estamos esperando por você, que além de aprender inglês, quer vivenciar o idioma.